Por favor faça LOGIN ou REGISTE-SE Para fazer as suas reservas.
TOURS : River & Sea

Aldeias Avieiras c/passeio de barco - Dia Inteiro

Descubra a região do Ribatejo, também conhecida como Borda d'Água. Neste passeio são uma constante presença, o Rio Tejo e as Lezírias com as suas terras férteis preenchidas com o cultivo de legumes, fruta e vinha e pela criação de touros e cavalos. Venha igualmente conhecer as Aldeias Avieiras de Palhota e Escaroupim, construídas sobre estacas denominadas palafitas e aprecie um sereno passeio de barco pelos seus mouchões.
Sob Consulta
CONSULTAR
Descrição

Percurso Privado - DOWNLOAD PDF HERE

Programa

Palhota

  • A Aldeia Avieira da Palhota é uma aldeia típica de pescadores, construída com casas de madeira, tipo palafitas, cuja origem se perde nos tempos. Nesta aldeia chegou a viver Alves Redol (1911-1969), um grande escritor português que muito escreveu acerca do Tejo e das suas gentes.
  • A fome que se fez sentir nos finais do século XIX, início do século XX fez sair os pescadores da Praia da Vieira no concelho da Marinha Grande, em busca do sustento que as condições do mar não lhes ofereciam durante o Inverno. Tendo encontrado o Tejo que nessa época era um «jardim de peixe» trocaram a pesca no mar pela do rio, primeiro sazonalmente, depois cá foram ficando com as famílias, vivendo nos barcos, rio abaixo rio acima. E por isso lhes chamaram avieiros, os nómadas do rio. 

 Valada 

  •   Venha descobrir Valada com uma industria ligada à agricultura, com os seus campos de tomategirassolmilhotrigo, e vinha e à pesca, onde a pesca de sável tem um peso importante na economia dos habitantes desta freguesia. 
  •   O ex-líbris da freguesia é o Rio Tejo, com o seu espaço envolvente de grande beleza, a sua praia fluvial parque de merendas e parque de campismo. Como património, Valada orgulha-se da sua igreja datada do ano de 1211, no reinado de Dom Afonso II, que tem como padroeira Nossa Senhora da Espectação do Ó.

Escaroupim

  • Escaroupim é uma outra típica aldeia piscatória, formada em meados dos anos 30.
  • Visita à Casa Típica Avieira (um espaço criado pela autarquia, para preservar a memória colectiva destes pescadores) é pequena, em madeira, pintada de cores vivas e construída sobre estacas para protecção contra as cheias frequentes do rio.

Almoço no Restaurante O Escaroupim

  • A proximidade com o Tejo faz-se sentir na ementa, tão dedicada aos sabores ribeirinhos. As enguias são servidas em fricassé, em caldeirada, em ensopado ou fritas (e servidas com arroz de feijão). Do rio, chegam também pratos de lampreia e de sável. Para outros paladares, entregue-se às carnes de alguidar ou aos pratos de caça.

Passeio de barco

  • Depois de almoço faça a sua digestão, fazendo um passeio único na natureza: rio, canais secundários, ilhas, recantos mágicos, lugares únicos, árvores e plantas sem fim, aves das mais diversas espécies e cavalos nas ilhas e praias.
  • Navegue pelas Ilha das Garças, Ilha dos Cavalos, Ilha dos Amores, entre outras. 
  • Passagem pela "Aldeia Avieira" da Palhota, Escaroupim até Valada.
  •  Descida pelo rio, até ao "Porto da Palha" e ao "Mouchão da Casa Branca", a ilha onde se pode ver, em estado selvagem, os potros Lusitanos da Coudelaria de Alter Real. 
  • Estas são somente algumas surpresas  que este passeio tem para lhe oferecer.
Disponível no período De 19 Maio 2015 a 26 Janeiro 2025
Mínimo de participantes 2
Máximo de participantes 12